terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

Status: desativado

terça-feira, 3 de fevereiro de 2009
Tem horas que é inevitável. O desânimo toma conta da gente. Quando acaba a nossa energia, até mesmo para se indignar com alguma coisa... talvez por já termos nos estressado tanto, que só sobrou o cansaço.

É... cansada... é assim que estou me sentindo.

E não apenas cansada da correria do dia-a-dia, mas cansada das pessoas.

É isso mesmo. As pessoas são falsas, interesseiras, superficiais, fúteis e burras. Mas elas parecem se divertir com isso.

Então, às vezes eu me pergunto... que vantagem tenho eu, em ser séria, em me preocupar demasiadamente com as coisas, em tentar sempre e sempre melhorar... enquanto outras pessoas simplesmente não estão nem aí, e estão vivendo super bem? Bom, acho que a diferença é que eu tenho uma consciência e prioridades, e não fico buscando preencher minha vida com aparências, coisas avulsas.

Não sei bem onde quero chegar com esse post, talvez futuramente eu me aprofunde mais no assunto... Mas eu vejo e ouço muita coisa... as quais me decepcionam demais, mas, por conveniência, fico calada.

Só não sei até quando.

Au revoir.

0 comentários:

 
No calor do momento © 2008. Design by Pocket